quinta-feira, 2 de abril de 2015

Feriado!

Nesse feriado de Semana Santa, o borboletário NÃO abrirá pra visitação na sexta-feira, dia 03 de abril e sábado, dia 04 de abril.
Esperamos a compreensão de todos.

Abraços Alados
Equipe Borboletário de Osasco
Secretaria de Meio Ambiente
Prefeitura de Osasco

ConstruSer SESI e borboletário

A Secretaria de Meio Ambiente (SEMA), através da equipe do Borboletário de Osasco, participou do evento, realizado pelo SESI-Piratininga, o ConstruSer. Trata-se de um evento que conta com o apoio do Sindicato da Indústria e Construção Civil do Estado de São Paulo, voltado para a promoção da inclusão social e da cidadania. O ConstruSer ofereceu diversos serviços gratuitos à população nas área de saúde, lazer, educação, cidadania, esportes e meio ambiente.




Na foto acima podemos ver a bióloga Suzete e o estagiário Júlio participando como voluntários do evento.

Borboletário e Museu de História Natural de Londres

O Museu de História Natural de Londres, na Inglaterra, está com a exposição "Borboletas Sensacionais", que consiste num borboletário com centenas de borboletas vivas de diversas espécies, inclusive tropicais, que poderão ser vistas de 02 de abril à 13 de setembro.



Na foto acima, podemos ver a conhecida borboleta Caligo sp. e uma menina.

Tráfico de borboletas


Polícia Ambiental deteve três pessoas com mais de 1,1 mil borboletas mortas (Foto: Divulgação/Polícia Ambiental)

Três pessoas foram detidas com 1.137 borboletas mortas na sexta-feira, dia 27 de março, na Campestre de Vieiras, Localidade em Palmeira, na região dos Campos Gerais do Paraná. A Polícia Ambiental chegou aos suspeitos após denúncia de que 13 pessoas estavam capturando e comercializando insetos.
Além das borboletas, a polícia também apreendeu objetos utilizados em caça, espingardas e munição nas casas em que foram cumpridos os mandados de busca e apreensão.

Muito triste essa notícia! Lembrando que tráfico de borboletas, bem como comercialização ilegal configuram crime ambiental, Lei 9605/98.



terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

Festival de cores

E pra alegrar essa semana, que tal um festival de cores?
É para alegrar os olhos . . .

 

Equipe do borboletário de Osasco
Secretaria de Meio Ambiente
Prefeitura de Osasco



Facebook

Amigos,
para saber notícias fresquinhas sobre o borboletário, que tal acessar o nosso facebook:
www.facebook.com/borboletario.osasco



Aproveitem!

Osasco utiliza parte da água dos lagos para limpeza pública

A Prefeitura de Osasco, por meio das Secretarias de Meio Ambiente (Sema) e Serviços e Obras, iniciou nesta quinta-feira (5), uma ação pioneira para retirar dos lagos, localizados em parques da cidade, a água necessária para realizar a limpeza de espaços de vendas de carnes de frango e peixe nas feiras livres, além da irrigação de áreas verdes, quando houver necessidade. O lago do Parque Chico Mendes foi o primeiro a receber a inciativa que acontecerá também no parque Glauco Villas Boas, no Três Montanhas.

“A ação não prejudicará ambientalmente os parques, pois o volume retirado dos lagos será bem menor do que o produzido pelas nascentes”, disse o prefeito Jorge Lapas, que acompanhou o processo de drenagem, ao lado do secretário de Meio Ambiente, Carlos Marx. Diariamente, a nascente produz cerca de 50 mil litros de água, a retirada será de menos da metade deste volume, 20 mil litros. “Com esse projeto será possível promover grande economia de água e isso trará benefícios para toda a população de Osasco”, completou Jorge Lapas.



Para tornar possível essa ação pioneira na cidade, a Sema iniciou em 2007, o Programa de Mapeamento, Identificação e Revitalização de Minas e Nascentes de Osasco. Com apoio de estudantes e comunidade em geral, foram identificadas 128 nascentes, das quais 25 foram revitalizadas - limpas, com afastamento de lixo e entulho, direcionamento da água para galerias de águas pluviais, além da implantação de projetos de paisagismo. 

Muitas nascentes estão em parques, escolas, praças e, no decorrer do tempo, algumas delas foram parcialmente aterradas devido construção de casas, pavimentação e outros serviços.  Com essa iniciativa, Osasco, embora não integre nenhuma área de proteção de mananciais, disponibiliza água limpa das nascentes que contribuem para oxigenar as águas dos córregos da cidade e do rio Tietê, no trecho que corta nossa cidade.


Estamos fazendo a nossa parte!